Tudo.ao.mesmo.tempo.agora

Posts Tagged ‘6×15- Across the sea

Primeiramente, peço desculpas pela demora desta review. Estou super atolada no trabalho e realmente não tive tempo de sentar e analisar o episódio até hoje. E que episódio polêmico, hein? Eu ainda estou muito dividida entre “MEU DEUS, QUE EPISÓDIO HORROROSO!” e “MEU DEUS, BEST EPISODE EVER!”

Sabe por quê? Tá, responderam algumas perguntas. Mas ao mesmo tempo levantaram outras trinta! E algumas das respostas foram muito meia-boca. Não sei, ainda não consegui decidir. Na terça-feira, depois que eu assisti o episódio eu juro que eu me senti meio burra porque fazia tempo que um episódio de Lost não me deixava tão confusa quanto o 6×15 – Across the sea me deixou. Talvez seja pelo cansaço (eu assisti na madrugada de terça para quarta), mas que eu fiquei uns dois minutos olhando para a tela igual a uma idiota depois que o episódio terminou, ah, isso eu fiquei.

Mas agora que eu tive a oportunidade de assistir novamente, eu não me senti tão burra assim. Na verdade, me senti um pouco decepcionada por alguns elementos. A tal da luz, por exemplo. O coração da ilha, a essência de todos os mistérios da vida: morte, renascimento e sei lá mais o que que a Mother falou.

Ta bom, legal. A essência da ilha é uma luz. Mas porque o Smokie saiu de lá depois que o Jacob jogou o irmão lá? Só temos mais dois episódios (três, tecnicamente, já que a finale vai ter duas horas e meia), será que eles vão conseguir explicar isso até lá ou vai cair no buraco negro de mistérios não-revelados?

Achei interessante o Jacob e o HdP serem irmãos gêmeos. Achei mais legal ainda o fato de eles serem amigos de verdade, mesmo discordando em algumas coisas. Fiquei decepcionada de não ter sido revelado o nome do HdP. Realmente achei que neste episódio finalmente eu iria ter um nome legal para substituir “HdP”.

Outro fato bem legal foi que quem deveria proteger a ilha – ou seja, o “escolhido” – era o HdP, e não o Jacob. Aliás, o Jacob era um idiota. Não tem opinião própria, só segue as ordens da mamãe e é totalmente feliz assim. O HdP ganhou a minha simpatia desde o momento em que ele, ainda menino, questiona a Mother. E quando ele descobre a verdade, você realmente sente pena dele. Afinal, ele só quer ir para casa. Com esse conhecimento agora, eu entendo perfeitamente as motivações dele de querer sair da ilha.

Mas uma coisa me deixou confusa. Quando o Jacob surta e joga o irmão na caverna de luz, a fumaça é liberada, certo? Mas logo depois o Jacob acha o corpo do irmão. Tanto que é revelado que o Adão e Eva que os Losties acharam na primeira temporada (com direito a um flashback de quando a Kate ainda usava batom e o Jack tinha peito cabeludo) eram, na verdade, Mother e o HdP. Então eu fiquei confusa. O que é a fumaça, exatamente?

Eu li uma teoria de que a Mother teria entrado na caverna e também se transformado no Smokie e foi desta forma que ela matou os Outros originais. Mas se ela é a fumaça, como que o HdP – até então um mero mortal, no meu entendimento – conseguiu matá-la? Será que foi porque ele a pegou de surpresa e não a deixou falar, como o Dogen falou para o Sayid? Será que esta é a única forma de acabar com o Fake Locke?

Pois bem, outro fato que chamou a atenção. As características do candidato para proteger a ilha não são estritamente positivas. Por exemplo, quando Mother e Menino de Preto conversam na praia e ela lhe diz que ele é especial. Jacob, até então, parecia o menininho perfeito. Bondoso, carinhoso, obediente, honesto, esperto. Seu irmão, no entanto, era manipulador, sabia mentir, mas também era bondoso e esperto. O que isso quer dizer, exatamente? O candidato tem que ter um equilíbrio entre o bem e o mal? É isso que o Jacob e o irmão deveriam ter sido? Se não tivessem nascido gêmeos, talvez Mother teria conseguido seu candidato perfeito e criá-lo para ser seu sucessor.

Uma última colocação – e acho que foi isso que me incomodou mais no episódio inteiro. Naquela cena em que o HdP conta para Mother que vai colocar uma roda num sistema que eles estão construindo e quando esta roda for girada, ele conseguirá sair da ilha, utilizando água e luz.

Eu estou presumindo que esta roda é a mesma que Ben e Locke utilizaram para sair da ilha e deslocar a ilha no tempo. Pois bem, até então eu estou achando que tem uma explicação remotamente científica por trás disso. Afinal, eles passaram seis temporadas nos empurrando goela abaixo termos e conceitos de eletromagnetismo, física quântica, viagem no tempo, entre muitos outros, e agora eles querem que eu aceite que tudo aquilo que eles mostraram está ligado à essência da ilha (vida, morte, renascimento, whatever) e pronto?

Eu sei que a grande premissa da série é exatamente o debate fé versus ciência. E eu sei que não deixa de se encaixar, mas não vai ter nenhuma explicaçãozinha científica? Nenhumazinha? E todos esses anos que eu passei teorizando sobre a Dharma Initiative? E as duas temporadas que eu passei assistindo Daniel Faraday nos explicando física? Onde que isso entra? Se não tem explicação científica, então quer dizer que no debate fé vesus ciência, a fé ganha?

Dois episódios, galera. Só mais dois episódios.

Por favor, Darlton. Não nos decepcione.

Anúncios

Blog Tudo.ao.mesmo.tempo.agora

Categorias

Mais Avaliados

Blog Stats

  • 29,213 hits